Home

O livro resgata a trajetória do índio missioneiro que liderou a resistência dos guarani contra a implantação do Tratado de Madri, em 1750. O lançamento acontece na terça-feira (16), às 16h, no Salão Nobre.

A Câmara dos Deputados lança nesta terça-feira (16) a história em quadrinhos “ Sepé Tiaraju: o índio, o homem, o herói ”, uma iniciativa da 1ª Vice-Presidência publicada pela Edições Câmara.  O livro resgata a trajetória do índio missioneiro que liderou a resistência dos guarani contra a implantação do Tratado de Madri, em 1750. O lançamento acontece às 16h, no Salão Nobre.

A história em quadrinhos será distribuída a escolas públicas e bibliotecas de todo o País. Para o 1º vice-presidente da Câmara, Marco Maia, a publicação contribui para divulgar a história de Tiaraju, pouco conhecida fora do Rio Grande do Sul. “Além de resgatar uma das mais belas páginas da história nacional, o livro ajuda a atribuir o devido valor histórico, antropológico e cultural às Missões Jesuísticas e a seu líder guarani Sepé Tiaraju”, completou o vice-presidente. Maia é ainda o autor do projeto de lei que resultou na inscrição do nome de Sepé Tiaraju no Livro dos Heróis da Pátria.

O material foi desenvolvido pela Coordenação de Divulgação Institucional da Câmara (Cordi), cuja equipe de publicidade institucional trabalhou um ano e dois meses no projeto. “O trabalho exigiu desde pesquisa histórica até roteirização, criação dos tipos dos personagens e cenários. As roupas e paisagens foram objetos de pesquisas específicas, com base em documentos da época”, conta o diretor da Cordi, William França.  Além da equipe de publicidade, a publicação contou com a coordenação de Nazur Garcia e a consultoria histórica de Roberto Fonseca, ambos da 1ª Vice-Presidência.

A história em quadrinhos integra a série “Obras Comemorativas – Personalidades”. ” Esta é a segunda publicação sobre Sepé Tiaraju lançada pela Câmara. Em maio deste ano, foi editado o livro “ Sepé Tiaraju: herói guarani, missioneiro, rio-grandense e, agora, herói brasileiro “, que retrata a saga dos Sete Povos das Missões e, especialmente, da participação de Sepé Tiaraju na defesa das terras guaranis diante dos exércitos de Portugal e Espanha.

Sepé Tiaraju
Nascido em um dos aldeamentos jesuíticos dos Sete Povos das Missões, foi batizado com o nome de Joseph. Por ser um bom combatente e estrategista, ficou conhecido como Sepé, “facho de luz”, em tupi-guarani. Tornou-se líder das milícias indígenas que atuaram contra as tropas luso-brasileiras e espanholas na chamada Guerra Guaranítica.

Sepé Tiaraju era corregedor da Redução Jesuítica de São Miguel, eleito pelos índios guaranis, quando da assinatura do Tratado de Madri, em 1750, pelo qual os reis de Portugal e Espanha trocavam os Sete Povos das Missões pela Colônia do Sacramento. O Tratado obrigava cerca de 50 mil índios cristãos a abandonarem a terra de seus ancestrais, onde haviam construídos igrejas e fazendas e exerciam a agricultura e a pecuária. Insurgindo-se contra a medida, Sepé liderou a resistência dos índios guarani.

Morreu em 7 de fevereiro de 1756, enfrentando tropas portuguesas e espanholas no local chamado Batovi, hoje cidade de São Gabriel. Três dias depois, 1.500 índios foram trucidados na batalha do Caiboaté.

Serviço
Lançamento da história em quadrinhos “Sepé Tiaraju: o índio, o homem, o herói”
Terça-feira (16), às 16h, no Salão Nobre da Câmara dos Deputados

Clique aqui e baixe o .PDF

Obrigado!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s