Home

O Ministério Público Federal recebeu, nesta manhã, da coordenação regional da Fundação Nacional do Índio (Funai), a informação de que famílias de índios Guaranis ocupam a sede da fundação em Chapecó, a fim de reivindicar que o órgão encontre uma área para a instalação das 30 famílias que aguardam a conclusão do processo de demarcação da terra indígena Guarani do Araçaí, nos municípios de Cunha Porã e Saudades, SC.

As famílias encontravam-se na aldeia Toldo Chimbangue, de etnia Kaingang, mas, em razão da diversidade de etnias e da ausência de assistência dos órgãos estatais de proteção indígena à comunidade Guarani, os índios Kaingang optaram por reivindicar a área onde os Guaranis estavam alojados e assim manter a hegemonia Kaingang sobre toda a aldeia Toldo Chimbangue.

O prazo concedido pela liderança Kaingang se encerrou na última quinta-feira, 13 de outubro. Sem terem para onde ir, os índios Guaranis se instalaram hoje na sede da Funai.

Solicitado a se manifestar sobre a ocupação, o procurador da República em Chapecó, Renato de Rezende Gomes, afirmou que a Constituição da República garante a todos o direito à livre manifestação e à reunião pacífica.

Fonte: http://www.portaldailha.com.br/noticias/lernoticia.php?id=9844

Veja mais informações sobre o processo de demarcação aqui.

Um pensamento em “Índios Guarani ocupam sede da Funai em Chapecó, SC

  1. Boa noite,

    Nuno, estou escrevendo uma reportagem sobre a situação dos índios em Araquari, poderia me retornar para que eu possa detalhar a pesquisa?

Obrigado!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s